MAIS
    spot_imgspot_img
    HomeNotasLILIANE RORIZ QUER EXPLICAÇÕES SOBRE MERENDA JOGADA NO LIXO

    LILIANE RORIZ QUER EXPLICAÇÕES SOBRE MERENDA JOGADA NO LIXO

     

    Denúncia foi veiculada na televisão mostrou baldes de leite em pó e de cereais sendo desperdiçados diariamente em escola de Sobradinho

    A deputada distrital Liliane Roriz (PRTB), presidente da Comissão de Assuntos Sociais (CAS), decidiu procurar o presidente da Comissão de Educação e Saúde, deputado Washington Mesquita (PSDB), para tratar sobre os recentes episódios na Rede Pública de Ensino do DF. A parlamentar foi instigada a colher informações após série de denúncias veiculadas na televisão envolvendo a merenda escolar. A última reportagem mostra as imagens gravadas por uma merendeira de escola de Sobradinho, onde quilos e quilos de alimentos saudáveis são jogados no lixo diariamente.

    A matéria afirma que os servidores da cantina escolar teriam sido orientados a jogar fora todo o alimento que sobrasse do turno. Baldes e baldes de cereais e leite em pó, por exemplo, foram filmados em sacos de lixo do lado de fora do prédio da escola. “As imagens são chocantes. Primeiro, a gente flagra merenda contaminada por bichos. Agora, comida boa jogada no lixo. Qual é a lógica desse governo? Oferecer comida podre para as crianças e jogar alimento bom nas lixeiras?”, provoca a distrital.

    A distrital também solicitou à direção do Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), emissora responsável pela veiculação da reportagem, com o objetivo de conseguir cópia do material gravado para servente. “Caso a secretaria não se posicione de forma transparente, podemos inclusive convidar a senhora secretária para que preste esclarecimentos sobre o episódio. O governo está preocupado com a Saúde, mas esquece da Educação, que está um caos”, emendou Liliane Roriz. Segundo ela, uma reunião deve ocorrer até o fim da semana com o deputado Washington Mesquita para tratar sobre o tema.

    As comissões, juntas, podem solicitar da Secretaria de Educação todas as informações sobre a utilização indevida de alimentação escolar. Caso os parlamentares não se contentem com os esclarecimentos, a secretária pode ser convidada, ou posteriormente convocada, para falar sobre os recentes episódios que envolvem a alimentação das crianças matriculadas na Rede Pública.

    4 COMMENTS

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here

    Deve ler

    spot_img