MAIS
    spot_imgspot_img
    HomeDistrito FederalEm celebração ao Dia do Orgulho Autista, deputado Robério Negreiros conclama união...

    Em celebração ao Dia do Orgulho Autista, deputado Robério Negreiros conclama união em prol da causa

    Durante a solenidade, o rapper Hungria também foi homenageado por sua dedicação a causas sociais, especialmente a inclusão de pessoas com Transtorno do Espectro Autista

    A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) realizou, na tarde desta segunda-feira (24), uma sessão solene para celebrar o Dia Mundial do Orgulho Autista e outorgar o título de Cidadão Benemérito de Brasília ao rapper Hungria. A solenidade, proposta pelo deputado distrital Robério Negreiros (PSD), contou com a presença de integrantes de várias entidades e associações voltadas às pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

    Segundo o autor das homenagens, a data, além de um marco de celebração, é um chamado à ação, à conscientização e ao compromisso contínuo com a inclusão. Ao abrir a sessão, o parlamentar conclamou a todos para “unir forças e refletir sobre como melhorar a qualidade de vida das pessoas com TEA”.

    Durante a entrega do título de Cidadão Benemérito de Brasília ao rapper Hungria, Negreiros parabenizou o artista pelas conquistas musicais e pelo compromisso com a causa das pessoas autistas. “Sua dedicação é uma fonte de inspiração e merece todo nosso reconhecimento e aplauso”, elogiou.

    Vencedor de prêmios no Brasil e no exterior, o rapper ceilandense Gustavo da Hungria Neves contou sobre o momento em que levantou a bandeira “Lute como uma mãe de autista” e disse que os recursos obtidos com a venda de camisetas com esse slogan são destinados à causa autista. “Essa batalha é nossa”, assegurou, ao salientar sua responsabilidade como músico.

    Hungria agradeceu a homenagem, concedida a pessoas que nasceram em Brasília e praticaram atos de relevante interesse social em favor da população. Ainda durante o evento, foram entregues moções de louvor a ativistas e representantes de entidades de pessoas com TEA.

    Compromisso com a causa

    Ao reafirmar seu compromisso com a causa, Negreiros citou que é autor de quinze leis destinadas aos direitos das pessoas com deficiência, sendo a mais recente a Lei 7.436/2024, que obrigada as salas de cinema a realizar sessão adaptada para os autistas, entre outras conquistas para o segmento, como a Lei 6.642/2020, que instituiu a Carteira de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista (Ciptea).

    O distrital mencionou ainda as emendas ao orçamento, de sua autoria, a fim de viabilizar uma clínica-escola especializada no atendimento ao segmento “São conquistas compartilhadas com todos”, reforçou, ao salientar sua “luta por um Distrito Federal mais inclusivo e respeitoso”.

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here

    Deve ler

    spot_img